Sérgio Charlab

Amanda Mota

O jornalista Sérgio Charlab é considerado o autor do primeiro jornal digital colocado na íntegra na Internet brasileira, o JB online. O  autor do livro “Você e a Internet do Brasil” concede uma entrevista por telefone ao PANOPTICON. Nesta conversa Charlab diz que o importante no jornalismo online é que o leitor fique livre para buscar o que mais interessa.

«Eu quero ter a liberdade de achar o que eu quero».

PANOPTICON - O que mais o atrai no Webjornalismo?
SÉRGIO CHARLAB - Quando você é jornalista não faz diferença o meio em que trabalha.

PANOPTICON - Você concorda  que apesar do universo Web oferecer tantas potencialidades no desenvolvimento de produções jornalísticas, o que se vê é mais uma mera transposição?
CHARLAB - Ainda não se chegou a um aproveitamento grandioso do que a Internet oferece. Jornais que possuem as duas versões são bem parecidos. O que mais me atrai é uma revista que não tem um similar impresso.

PANOPTICON - Como melhor explorar as características de hipertextualidade, interatividade oferecidas pela rede?
CHARLAB - Tudo depende da velocidade da tecnologia. Em 92 o que aparecesse para mim estava bom, se fosse lento não importava. Hoje queremos instantaneidade. Depende de como a tecnologia fica. Se eu puder baixar duas ou três horas de vídeo e puder interagir com que estou vendo, tudo bem.

PANOPTICONO que o senhor acha de usarmos o hiperlink em contraponto à linearidade “forçosa” do ambiente digital?
CHARLAB - Mas quem disse que eu gosto dos links externos? Eu quero ter a liberdade de achar o que eu quero e não ficar preso aos links.

PANOPTICON -  Por que a personalização é tão pouco utilizada no Brasil?
CHARLAB - Personalizar significa restringir e tira a chance da pessoa conhecer coisas novas. Melhor do que personalização é a disponibilização de tudo, daí eu posso escolher o que eu quero.

Copyright © 2002 - Oficina de Jornalismo Digital - Faculdade de Comunicação / UFBA
Antes da explosão da Internet comercial já escrevia sobre conexões e ferramentas de busca no caderno de informática do Jornal do Brasil. Charlab trabalhou na Internet World e atualmente está na revista Seleções do Reader’s Digest (www.selecoes.com.br) , que tem similar impresso. De acordo com o Instituto de Verificação de Circulação (IVC), a revista Seleções do Reader’s Digest tem 513.278 mil assinantes e só perde para a Veja , que possui 1.164.476, dados de janeiro a dezembro de 2001.