bio.GIF (4980 bytes)

Vinte e oito de julho de mil novecentos e sessenta e cinco: Nasce Daniela Mercuri de Almeida. Filha de Liliana Mercuri de Almeida e Antônio Fernando Abreu Ferreira de Almeida. A rua Nossa Senhora de Brotas, no bairro de Brotas, Salvador, Bahia, foi o palco da infância de Daniela, só dividida pela Escola Ana Nery e o Colégio Baiano, onde estudou a maior parte de sua vida. Pequena, mostrava seu talento, ainda não descoberto por todos. Seja nas festas que freqüentava com seis, sete anos, nas quais dançava do início ao fim. Seja dentro de casa, ou na rua, sempre se destacava pelo jeito moleque e irreverente de se comportar. O apelido "pinga-fogo" reflete bem o jeito dessa menina baiana, com fôlego inacreditável, que vem da sua infância e permanece até hoje. Aos oito anos começou a dançar, e esta estava se tornando sua verdadeira paixão. Sua vocação estava no caminho do descobrimento. As inúmeras serenatas das quais participava com amigos de infância, serviram de palco para que com dezesseis anos descobrisse sua voz. Uma voz forte, afinada, , que foi se profissionalizando aos poucos. Começa a cantar em barzinhos, descobre-se, cantora. Escondendo-se atrás de panelas e driblando o juizado de menores, ela ia lutando por aquilo que seria o seu futuro. Mas a dança ainda estava em primeiro lugar. Aos dezessete anos Daniela afastou-se da música por falta de trabalho e se dedicou exclusivamente à dança. Aos dezoito anos ingressa na faculdade de licenciatura em Dança da UFBa. Esse era o seu destino, não havia outro caminho a seguir, a não ser através da arte. Volta a cantar. Era preciso correr atrás, lutar e vencer. Para isto não lhe faltavam talento, força de vontade e paixão. E ela não desistiu; ultrapassou os obstáculos, conquistou pessoas e mostrou seu talento. Convites foram surgindo, pessoas foram se "apaixonando", e daí surgiu uma admiração muito grande pelo seu trabalho. Os amigos sempre acompanhando e apoiando. Aos dezenove anos passa a ser Daniela Mercuri de Almeida Póvoas, pois casa-se com Zalther Portela Laborda Póvoas, seu primeiro namorado e paixão da infância. Fica grávida, e continua cantando durante toda a gravidez, nos lugares mais incríveis, inclusive em cima de trios. Nasce Gabriel e um ano depois Giovana. O amor pela arte permanecia vivo, e com os filhinhos em casa Daniela ia batalhando pelo sucesso. Foi backing-vocal de Gerônimo e de Gilberto Gil. A primeira vez que assumiu como vocalista foi na Companhia Clic, com a qual gravou dois discos. Esse trabalho solidificou sua carreira; estava preparada mais do que preparada para enfrentar a carreira solo. Surge Daniela Mercury, despontando nas paradas de sucesso com o seu primeiro disco solo: "Swing da Cor". Estouro nacional, da Bahia para o Brasil. Abala o vão livre do Museu de Arte Moderna de São Paulo (MASP), o Brasil se rende ao seu swing contagiante. Lançamento do seu segundo disco solo, "Canto da Cidade", agora pela Sony Music, gravadora de prestígio internacional. Do Brasil para o mundo. Seu terceiro disco "Música de Rua", foi sucesso mundial, seguido por "Feijão com Arroz", o melhor e mais maduro de toda a sua carreira. Com "Feijão com Arroz", Daniela conquista, definitivamente, o mercado Europeu. França e Portugal a tornam tão populares como artistas natos. Com presença marcante no Carnaval da Bahia, Daniela, em 1991 e 1992, comanda o trio-elétrico Paes Mendonça, seguidos por três anos a frente de um dos blocos mais tradicionais de Salvador: Os Internacionais. Daniela reina soberana até os dias atuais no comando do bloco Crocodilo com o qual completa quatro anos no Carnaval de 1999.

Sensível às causas sociais, Daniela foi nomeda Embaixadora do UNICEF no Brasil em 1995, tendo realizado trabalhos nessa área como:

-Programas "CRIANÇA ESPERANÇA" 1993, 1994 e 1995.

-Programas "UN SOL PRA LOS NIÑOS" em 1994, na Argentina

-Programa "JUNTOS POR UN AMIGUITO" 1995, na Argentina

-Vts para "CAMPANHA DO SORO CASEIRO"

-Vts para "CAMPANHA DE DIREITOS HUMANOS"

-Vts para "OBRAS ASSISTENCIAIS DE IRMÃ DULCE"

-Vts para "CAMPANHA CONTRA A EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES"

-Participação em cerimônia de entrega de diplomas no Hospital Sarah Kubisheck, em Brasília

-Participação em cerimônia de lançamento na Bahia e posteriormente lançamento nacional da "CAMPANHA CONTRA EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES"

-Participação em cerimônia de entrega do prêmio "CRIANÇA E PAZ" de 1996, no Palácio do Planalto

-Almoço com a primeira-dama dos Estados Unidos, Hillary Clinton, em Salvador

-Participação em cerimônia de lançamento do "PROGRAMA DE DISTRIBUIÇÃO DE PÃO E LEITE" do Governo de Goiás, em Goiânia

-Participação em cerimônia do Prêmio "EDUCAÇÃO E PARTICIPAÇÃO" promovido pelo UNICEF e Banco Itaú, em São Paulo

-Participação em cerimônia comemorativa da parceria UNICEF-CREDICARD, em São Paulo

-Participação em cerimônia de premiação da "CIRANDA DA CIÊNCIA", em São Paulo

-Participação em "FESTA DA CRIANÇA" organizada pelo Governo do Estado da Bahia/ SETRAS, em Salvador

-Visita ao Parque de São Bartolomeu, em Salvador

-Realização de dois shows para Fundação Odebrecht com doação do cachê para os desabrigados das chuvas em Salvador e para o Coral do Instituto dos Cegos

-Além de visitas a várias instituições que trabalham com crianças, deu apoio a campanhas contra a fome e em prol da preservação da natureza.

HOME   PAGE DISCOGRAFIA VARIEDADES

Informações sobre o conteúdo do site: fernanda_pereira@hotmail.com
Copyright©1998 - COM 024 - FACOM - UFBA