Roda de conversa nesta sexta (02) discute processos de construção da memória e identidade

Publicado em: 29-09-2020

Acontece nesta sexta-feira, 02/10, a roda de conversa "Ferrovia e Patrimônio — Memórias Coletivas", atividade organizada pelo projeto Em Casa com a FACOM em parceria com a Agência Experimental Comunicação e Cultura. O encontro acontecerá às 16h, pelo Zoom (com direito à certificação) e pelo Facebook da FACOM, com uma discussão sobre os processos de construção da memória e identidade ferroviárias a partir da noção de patrimônio ferroviário e patrimônio de vida.

Também no evento, pretende-se refletir os novos espaços de preservação da memória, como museus virtuais e o papel das redes sociais para a constituição desses espaços. Participam da conversa o professor da FACOM │UFBA José Roberto Severino, o professor da UFVJM Márcio Achtschin Santos e os pesquisadores em memória e identidade Carlos Lopes e  Mattheus Vinicius Rosa.

Conheça abaixo um pouco mais sobre os participantes:

Mattheus Vinicius Rosa é mestre em Cultura e Sociedade do Programa Multidisciplinar do Instituto de Humanidades, Artes e Ciências Professor Milton Santos da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Entre o segundo semestre de 2016 e o primeiro de 2018 fez parte do grupo de pesquisa "Território e Identidade na Contemporaneidade" cujo responsável era o Prof. Dr. José Roberto Severino. No mestrado desenvolveu a dissertação intitulada "Dois lados da mesma viagem: entre a lembrança e o esquecimento da Estrada de Ferro Bahia-Minas".

José Roberto Severino é orientador da Agência Experimental, é professor na Faculdade de Comunicação e no programa Cultura e Sociedade, do IHAC. Doutor em História, Pesquisa Memória e patrimônio cultural, e o papel do audiovisual nas práticas de memórias. Coordena o Grupo de pesquisa Memória e Identidade (PósCultura/UFBA).

Márcio Achtschin Santos é pós-doutor em História pela UFMG,  professor de graduação e pós graduação da UFVJM,  líder do Núcleo de Pesquisas sobre educação,  políticas e cidadania/ Diretório CNPq, autor de cinco livros,  entre eles "A Filadélfia não sonhada:  A escravidão no Mucuri no século XIX " e "A Formação econômica,  política,  social e cultural do Vale do Mucuri".

Carlos Lopes possui graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal da Bahia (1988).  Em 1992, esteve na organização da histórica viagem do Ver de Trem, com chegada especial à Conferência Internacional Sobre o Meio Ambiente — ECO 92. Em 2019, no Congresso UFBA, promoveu a Mesa Redonda "Viagem “Bahia–Minas–Rio” por Trilhos, Memórias e Resistências". É membro do Grupo de Pesquisa "Memória e Identidade", coordenado pelo professor Roberto Severino.

SERVIÇO:

O quê: Roda de conversa "Ferrovia e Patrimônio — Memórias Coletivas",
Quando: 02/10/2020, às 16h
Onde: pelo Zoom (facom.social/roda22 ) e Facebook da FACOM

Período para indicação das bancas examinadoras pelo(a) professor(a) orientador(a)

Quando: 31/05 a 09/06/2024
Como: por meio de formulário online a ser divulgado oportunamente e preenchido exclusivamente pelo(a) orientador(a).

Homologação das bancas examinadoras pelo Colegiado

Quando: 10/06/2024
Como: em reunião ordinária do Colegiado.

Final semestre

Início semestre